Atrativos do bairro e notícias da Grande Florianópolis. Contato: clickobrasol@gmail.com

Arquivos

Pesquisar

Outras postagens

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. CLIC KOBRASOL 2019. Tecnologia do Blogger.

Mapa do Kobrasol

Quer divulgar no Clic Kobrasol? Envie um e-mail para clickobrasol@gmail.com que entramos em contato!
Atrativos do bairro e notícias da Grande Florianópolis

Contato: clickobrasol@gmail.com

Dados da Segurança Pública confirmam queda na criminalidade em São José

Compartilhar:
O balanço semestral de estatísticas da Secretaria de Estado da Segurança Pública de Santa Catarina mostra que houve queda significativa nos índices de criminalidade em São José. Os dados, colhidos até 14 de junho de 2019, indicam que o município apresentou queda de 73,23% das ocorrências de furto, além da diminuição de 65,92% dos registros roubo e 25% nos casos de homicídio. 
Para a prefeita Adeliana Dal Pont, esses números são reflexos dos investimentos feitos em políticas públicas voltadas ao desenvolvimento, além da eficiência e integração das forças de segurança na cidade de São José. “Combater a violência é um desafio diário, mas os números mostram que o Município está no caminho certo e vamos continuar trabalhando com afinco para melhorar ainda mais estes índices”, assinala a prefeita.    
Um dos diferenciais do município é a Central de Vídeo Monitoramento Integrada, projeto desenvolvido pela Prefeitura de São José, com a parceria da Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal de São José que funciona 24 horas monitorando as imagens transmitidas pelas 250 câmeras espalhadas por toda São José.
Em 2018, a GMSJ registrou um total de 15.699 ocorrências atendidas. Neste período, foram recuperados 91 veículos, sendo que, desses, oito haviam sido clonados. Os guardas municipais também retiraram de circulação armas e munições de calibre 38 e 9mm. No mesmo período, 361 pessoas foram detidas ou encaminhadas à delegacia, resultando em 83 prisões, sendo 15 com mandados de prisão ativo. Também foi registrado o atendimento a 1.970 acidentes sem vítima e a 51 casos de roubo.
De 2016 até o início deste ano, 1.588 suspeitos procurados pela Polícia já foram identificados a partir do trabalho desenvolvido pela Central. A tecnologia possibilitou que as equipes identificassem também 566 veículos envolvidos em delitos e recuperassem 328 veículos e bens furtados. Também a partir da Central foram realizadas 287 prisões e detenções, 247flagrantes de trânsito e 447 abordagens a vândalos e suspeitos. 
A secretária municipal de Segurança, Andrea Pacheco, reforça que redução da violência na cidade também é resultado do investimento que a gestão municipal tem feito nas áreas de Educação, Saúde, Cultura, Esporte e Infraestrutura. “Acredito que todas as ações de desenvolvimento repercutem na melhoria dos índices de segurança, pois a partir do momento que as pessoas têm possibilidade de viver com qualidade e dispõe de oportunidades melhores, elas se desenvolvem e, consequentemente, a cidade cresce e a violência diminui”, analisa Andrea. 
Neste sentido, a secretária também destaca a implementação do programa Justiça e Práticas Restaurativas. O projeto está sendo desenvolvido no município para iniciar a implantação de políticas públicas voltadas às praticas restaurativas de prevenção à violência e cultura de paz nos mais diversos segmentos da sociedade.
“Nossa intenção é levar o programa para as escolas da rede municipal e torná-lo uma política de governo. Desta forma, poderemos construir alicerces fortes para a construção da cultura da paz na cidade e possibilitar que os relacionamentos nas comunidades sejam mais saudáveis e pacíficos”, ressalta Andréa Pacheco.  
As informações são da Assessoria de Imprensa da PMSJ. 
Compartilhar:

Segurança

Post A Comment: